em CM

A cada temporada vemos a lingerie ganhando mais destaque nos looks apresentados, seja por meio da transparência que deixa  as peças aparentes ou  mesmo o sutiã totalmente a mostra usado como top, compondo o look com alguma peça de cintura alta na parte de baixo.

Por isso vamos listar aqui três tendências quentes para a moda intima 2018:

Esportividade

Que a preocupação com o corpo e bem estar está em alta não é novidade, vide o BOOM das academias, terapias alternativas e estilos de vida mais saudáveis com o veganismo, que é uma das megatendências previstas para esse ano.

Com essa movimento saudável, o conforto fica em evidência em diferentes áreas, inclusive na  moda.  Nesse formato,  os queridinhos do momento são os conjuntos com essa pegada esportiva, que remete ao clã Kardashian posando para a Calvin Klein.  Cores como cinza mescla, branco e preto,  elásticos aparentes e tecidos tecnológicos são os destaques,  os principais modelos são as releituras de cuecas para mulheres  e sutiãs no estilo top, principalmente sem bojo, calcinhas básicas, ou asa delta com laterais largas, também são apostas.

 

Conforto Natural

Partindo dos mesmos princípios da tendência anterior, mas com uma pegada mais casual temos aqui um aumento de interesse do público por lingeries em  tecidos de fibras naturais como o algodão que traz benefícios a saúde íntima. Popular principalmente entre os mais jovens destacam-se os modelos até então rotulados como “de senhora”, calcinha maiores, em cores neutras ou pasteis e sutiã sem bojo apenas com elásticos fazem a cabeça dos antenados  nas causas sócias que buscam por um estilo de vida slow, a ênfase aqui é dada aos recortes e modelagens diferenciadas que respeitem o conforto das formas naturais respeitando o seu corpo e o universo ao seu redor.

 

 

Retrô

O ar retrô que vinha ganhando visibilidade nas últimas temporadas, desponta de vez, trazendo muitos detalhes românticos, rendas e transparências, bordados, florais delicados,  tons suaves e preto, tudo com ares de anos 50.
Sutiãs com estilo Bralette e calcinhas mais soltinhas em renda ou cetim são apostas.
Os sutiãs ganham liberdade para serem usados sozinhos na parte de cima compondo o look  com calças ou saias.
Apostar sem medo na sensualidade do toque dos materiais e em modelagens que valorizem o sem agredir, pois o conforto também é um elemento importante aqui.

As calcinhas menores  tem o seu momento de brilhar, geralmente contrastando com a proporção do sutiã: Calcinhas grandes com sutiãs menores, e sutiãs maiores com calcinhas menores, alças finas são essenciais e a delicadeza é a palavra chave.

 

 

Imagens retiradas do Pinterest.

Escrito por Taís Perkoski

 

Postagens Recentes

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

Bitnami